Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Esquina do Desencontro

Histórias de Desencontros Ficcionais (ou Não) na Esquina da Vida

A Esquina do Desencontro

Histórias de Desencontros Ficcionais (ou Não) na Esquina da Vida

O Tratado da Mente

A história começa num qualquer fim de mundo idealizado, longe da euforia civilizacional. O tempo, estático e singelo, na sua monotonia monocromática infernal, desponta num longínquo vórtice de energias controladas, porém enigmáticas. A abertura temporária deste vórtice, permite, há já vários séculos, a passagem de informação privilegiada, sob a forma de pensamentos, traduzidos em ondas produzidas pela mente, as quais ecoam de um mundo para o outro, mediante determinados rituais ancestrais, os quais determinam o futuro da sobrevivência da mente mais iluminada. Foi estabelecido, pelos habitantes dos dois mundos em interacção, nomeadamente, por uma elite mental produzida e trabalhada para este fim específico, um tratado. O Tratado da Mente. A ideia é acumular conhecimento e experiência realista, proveniente das mentes eleitas de ambos os mundos, e refinar a destreza mental sobrevivente à fusão de mentes, por forma a consolidar todo o saber em produção e salvaguardá-lo para as gerações futuras. Assim, foram juradas lealdade e devoção perpétuas, pelos intervenientes na fusão de mentes. Uma vez que este vórtice temporal ocorre apenas uma vez em cada século, as mentes eleitas dos dois mundos concentram as suas energias fervorosamente, fechando-se em si mesmo, num sono permissivo, mas apagado e cadenciado, mantendo apenas as funções corporais a funcionar em mínimos controlados, para que a canalização das energias se processe única e exclusivamente para as suas mentes. A acção do Tratado da Mente finaliza, após o encerramento do vórtice e a plena e consumada fusão das mentes dos eleitos. Acredita-se pois, que assim, a história dos dois mundos será perpetuada e relembrada por toda a eternidade extra-sensorial e cabal.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub