Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Esquina do Desencontro

Histórias de Desencontros Ficcionais (ou Não) na Esquina da Vida

A Esquina do Desencontro

Histórias de Desencontros Ficcionais (ou Não) na Esquina da Vida

O Salto Doutoral

As feições, ao vento vespertino, denunciavam felicidade. Os olhos operaram a sua magia discreta, fecharam-se e transportaram-na para um passado recente ambíguo. A porta principal abriu-se a seus pés, deixando entrar a esperança afunilada, num pedaço de alma cadente que ambiciona por muito e mais. As salas a abarrotarem de conhecimento extravasado, saber doutrinal, teorias e práticas casuísticas, animicamente, impressionavam-na. Condescendia e tolerava a instrumentalização aplicada, mas operava colateralmente as iniciativas transfiguradas das metodologias equiparadas racionalmente. Racionalizar o intricado processo académico, carecia de aprovação mental dualizada na sua luta interior entre o socialmente irrepreensível e o moralmente atabalhoado. Os estudos prosseguiram incólumes e atulhados de peripécias atribuladas, mas sempre refrescantes e retemperadoras dos sentidos e da sua provocação. O tempo passou. Muito tempo encafuada nas bibliotecas da vida e no quarto da alma estudantil. O fim aproximava-se e o árduo trabalho desenvolvido daria, agora, frutos, expectavelmente. Configurados todos os padrões viáveis de work-flow academial, o sucesso estava, necessariamente, assegurado na base primordial dos estudos rematados. O salto doutoral acercava-se, por fim. O vislumbre, ainda ténue, permitia-lhe o sonho. A concretização consolidada realizou-se. Estampados nas feições ao vento vespertino, que agora despertava os olhos, estava o sorriso da alma e a conquista do muro aparentemente intransponível que foi, merecidamente, subjugado e dominado. Glória às capacidades intelectuais, glória ao conhecimento adquirido, glória aos ensaios, glória ao saber fazer. O salto doutoral fora dado.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub