Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Esquina do Desencontro

Histórias de Desencontros Ficcionais (ou Não) na Esquina da Vida

A Esquina do Desencontro

Histórias de Desencontros Ficcionais (ou Não) na Esquina da Vida

Feira do Livro de Lisboa 2016

Uma vez mais, uma tarde solarenga que proporcionou e motivou, sem dúvida alguma, o desejo sempre redobrado para uma visita à Feira do Livro de Lisboa. O ritual repete-se todos os anos, invariavelmente, e, uma vez mais, não houve desilusão. O espaço, como habitualmente, bem organizado, com as bancadas das livrarias alternadas com as bancadas dedicadas aos variadíssimos gostos gastronómicos master chefados ou tradicionais revivalistas, a informação simples, mas completa, a sinalética acessível, a dinâmica do espaço eficaz e eficiente, nos recantos sempre aprazíveis do Parque Eduardo VII. De salientar, a diversidade editorial literária que, cada vez mais, é fomentada pela Feira e cartão de visita obrigatório atraindo tanto nacionais, como estrangeiros, os quais, por sinal, já são visitantes em número considerável. Podemos encontrar desde a editora mais tradicionalista, à mais académica, da mais tecnicista expertise, à mais comics style, da mais children dream, à mais romantic mood, da mais curiosidades surpresa, à mais cooking time, da mais todas numa só, à mais spiritual moods. Representações editoriais para todos os feitios, gostos, estilos, humores, excentricidades, exuberâncias e famílias. Sim, porque as crianças são bem-vindas e têm muito com que se entreter. Há muitas actividades pensadas para os mais pequenos, a grande maioria direccionada para os apresentar, de uma maneira light e apelativa, ao “papão literatura”. Portanto, recomenda-se. Uma tarde bem passada, cosmopolita, cultural, pedagógica e sempre intensa nas emoções e surpresas que culminou, este ano, com o autógrafo, há muito esperado, de alguns exemplares do escritor chileno Luís Sepúlveda.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub