Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Esquina do Desencontro

Histórias de Desencontros Ficcionais (ou Não) na Esquina da Vida

A Esquina do Desencontro

Histórias de Desencontros Ficcionais (ou Não) na Esquina da Vida

O Comum da Normalidade Standard

A espécie humana está predestinada a grandes feitos. Toda a espécie, invariável e independentemente da raça, credo, religião, hemisfério, partidarismos, género, valores, princípios, filosofias. Ou não? Na realidade, quantos de nós exteriorizam e contabilizam a fama? Quantos são conhecidos ou reconhecidos familiar, social, nacional ou internacionalmente? Somos quem somos, no nosso ciclo restrito, somos maiores na nossa máquina centrifugadora privativa de experimentalismos contidos decantados. A questão fundamental da banalidade quotidiana, da vidinha regrada e rotineira, ultrapassa largamente esta fantasiosa mitologia surreal que nos eleva os sonhos da alma racionalmente emotiva de que, um dia, o mundo será por nós conquistado, num arrebatamento imortalizador! O potencial contributivo de cada ser é ginórmico indubitavelmente e, claramente, deve ser estimulado, sob pena de estagnarmos a vantagem evolutiva providencial que conquistámos no passado recente e que nos faz querer ir (sempre) mais além, mais longe na cadeia da supremacia (ou não) inteligível e inteligente. O problema subsiste, no entanto. Como debitar ao mundo os dons, magias e feitiçarias intrínsecos a cada indivíduo? O que podemos fazer conjuntamente para ajudar a alavancar o próximo passo alternativo, na construção de personalidades fortes, decididas, contributivas e colaborativas? A normalidade standard traduz a nossa experiência e vivência diárias. As pequenas coisas que vamos mudando, transformando, conquistando, inventando, criando, promovem o impulso para a agregação genial e para o crescer de novas grandes coisas. É o que é comum. O comummente aceite. Padronização concertada, equilibrada, circunscrita, controlada. E o grupo, tendencialmente, abafa as competências e as características exclusivas nominais e individuais. As descobertas do diferencialismo ambíguo, o confronto da ruptura com as tradições ancestrais, o vivencialismo alternativo dificultado, espelham a magnitude desta busca velada que tende a ser subjugada pelo convencionalismo empírico de que há um caminho comum a seguir, ainda que as divergências interiores sejam aniquiladas para um bem maior, a aceitação no grupo, a aceitação na espécie. O ideal será, como sempre, encontrar o equilíbrio perfeito de cada qual, com ponderação e bom senso. Pensar sobre o que nos rodeia, sobre o que nos acontece e aos outros, com espírito crítico construtivo e numa dinâmica social de acalmia retemperadora. Aceitemos, no entanto, o desafio da diferença e da incomum anormalidade não standartizada.

Museu do Fado - Lisboa

Desde a sua abertura ao público em 1998, para o Museu têm convergido os espólios de centenas de intérpretes, autores, compositores, músicos, construtores de instrumentos, estudiosos e investigadores, artistas profissionais e amadores, em suma, de centenas de personalidades que testemunharam e construíram a história do Fado e que não hesitaram em ceder-nos os testemunhos do seu património afectivo e memorial para a construção de um projecto comum. 
ler mais em www.museudofado.pt

 

New Alzheimer’s Drug Clears Milestone in Human Clinical Trial

On Monday Pres. Barack Obama proclaimed November “National Alzheimer's Disease Awareness Month.” The administration’s ambitious goal is to prevent and treat Alzheimer's by 2025. Although there are currently no approved therapies that slow or stop progression of the disease, several approaches are showing promise.

In a study published today in Science Translational Medicine, a team from Merck Research Laboratories reports results of early human and animal trials of a drug called verubecestat, which targets the production of protein plaques associated with the disease. “It's a summary of the discovery and early-stage profiling of what we hope is going to be a new therapeutic for Alzheimer's,” says team leader Matthew Kennedy. “It represents well over a decade of investment in this project by many, many scientists.” Definitive conclusions will have to await the results of larger, ongoing phase III clinical trials to assess their efficacy, effectiveness and safety, but the results are promising, experts say.

read more in www.scientificamerican.com/article

10 Ways to Be a Leader—Even When You Aren’t in Charge

Do you think of a leader as someone else with a more important title or more experience? Think again. True leaders have more than impressive job descriptions and company anniversaries. They have influence and contribute to something bigger, not just to the work but also to the team.

Candace joined my team a few years ago with big enthusiasm and a fresh perspective. She had recommendations on new technology and ideas to improve communication with each other and our clients. Her suggestions were always aimed at making us all better, not just making herself look good. Candace was only a few years out of college and yet she was most definitely a leader—not because of her title or experience, but because of how she showed up.

read more in www.success.com

The World's Most Profoundly Altered Genome

Researchers in the laboratory of George Church have designed and synthesized an E. coli genome with more than 200,000 DNA-base changes—the most highly modified bacterial genome yet. The changes they made apply to DNA segments that code for protein building, but in a way that doesn’t alter the proteins’ structure or function.

discover more in hms.harvard.edu/videos

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub